quarta-feira, 13 de abril de 2011

bolinhas de gude, de Laís para Chico.








Chico tinha seis anos quando um par de olhos castanhos quase pretos brilhavam na sua cara, como bolinhas de gude vitoriosas, gritando para ele se comportar como um homem. As palavras soavam estranhas e perdidas neste espaço dos seis anos, Chico não entendia como uma menina de cabelos retintos e pele branca, da cor de travesseiros novos, poderia fazer seus ouvidos doerem igualzinho quando o avô ligava o carro com todo mundo já lá dentro. E Laís mandava como a mãe mandava a empregada enxugar o chão, de olhos arregalados e coração endurecido. Só que Laís também sabia ser menina e deixava uma escova de dente para ser compartilhada ou um bombom recheado, fingindo nem saber de Chico. Sozinhos, ela mandava e desmandava, transformando o medo em amor, sem nenhum entender o que era isso - mal sabiam eles que ninguém nunca vai entender. Durante três anos as bolinhas de gude batiam contra Chico, escovas de dente eram desgastadas e bombons sujavam o uniforme da escola. Até que Laís se foi e nenhum adulto explicou porque tudo se vai. O amor, escovas de dente, bombons. E Laís.
Ontem a noite perguntei porque Chico é calado e ele me disse :
" Estou com saudade de uma pessoa, mas não posso dizer quem."






10 comentários:

Ana Paula Málaga disse...

que lindo, Rodri <3
um belo jeito de explicar tudo que ninguém nunca entederá sobre o amor

Rodriane DL disse...

Thanks, Anita!
;)

H. Guberman disse...

ahh, esquentou meu coração. <3

Alb.M. disse...

Mais hurt do que heart. Como tinha de ser.

Rodriane DL disse...

Adoro qnd o pessoal do siririca e coca-cola aparece... haha

Siririca e coca-cola disse...

I'm burning, I'm burning....

Anônimo disse...

laís = larissa?
............... chega né.

Rodriane DL disse...

" Isto é uma obra de ficção..."
Bons leitores lêem o texto e não tentam me encher o saco confundindo com a minha vida.
Chega mesmo, de várias coisas.

Rodriane DL disse...

Aliás, entra quem quer no meu blog. Chega de Rodriane para vc tbm, né ? Entra aqui pq quer.

Anônimo disse...

êta mundo véio sem porteraaaaa sÔ!